27 de out de 2011

Um lindo sonho transformado em....

Meninas, estou muito feliz com a força que recebi de vocês no último post, se eu já estava animada, agora então estou a 100000 por hora..rs. E semana que vem tem mais sobre o assunto hein?

Se passou 2 semanas e eu nem vim contar como o meu sonho desde que estava internada se consumou (de uma forma um pouquinho diferente, mas aconteceu..rsrs).

Começa o sábado: dia lindo, ensolarado e eu capengando de sono (só pra variar). Mal sabia que eu passaria por tudo e por diversas sensações em um único dia.

Após uma reunião on-line ser cancelada, o marido abre as cortinas e sugere "Uau, pretinha olha que dia lindo. O que você acha de irmos a um parque hoje, sei lá, no Parque da Aclimação?".

E eu que queria tanto (praticamente um sonho) um passeio desse, desde que fiquei 63 dias internada após o parto da Emily. Sonhava em ir a um parque com uma grama bem bonita e com a família, não pensei duas vezes, e sugeri o Parque da Independência / Museu do Ipiranga.





Arrumei tudo rapidinho: trocamos de roupa, bolsa da Emily, super atenta para não esquecer nada. Pronto, tudo pronto e lá fomos nós para o passeio que tinha tudo para ser tudo de bom. Exceto por alguns detalhes que erramos em não se atentar na empolgação do momento.

- Temperatura mínima e máxima para o dia.
- Horário

E quanto diferença fez. Começando pelo horário, chegamos no parque as 12h20 (ainda sem horário de verão), imaginem o calor escaldante de um dia onde a previsão da temperatura máxima era de 38º C e que tenho certeza que chegou a isso?

Mal chegamos e meu pensamento era "quero ir embora"...kkkkk, mas eu não ia meter uma de chata né?rsrs. Então fiquei lá aguentando e aguentando...

Olhem minha "veia" saltada no meio da testa e lá firme e forte, se vocês repararem o pretinho está no telefone falando com a mãe dele que por sinal mora pertinho do Museu, ai que vontade de falar "Pretinho vamos pra lá", afinal ir pra lá seria mais rápido do que voltar pra casa. 

Mas isso não acontece e acontece pior, o preto logo sugere com uma animação fora do normal "Vamos andar??". Andar pra onde meu Deus, mas finjo estar super bem e aceito (louca, louca..rsrs). 

E foi disso para pior, pressão se alterou, vista escurecendo e eu fingindo estar SUPER BEM. Graças a Deus o pretinho percebeu e fomos nos esconder dentro do Museu do Ipiranga e foi uma excelente saída. Muito bacana o passeio, aproveitaria mais se não estivesse tão "zoreta"..kkkk

O telefone toca e recebemos o MARAVILHOSO convite de irmos pra casa da sogra, alomoçarmos e a noite eles nos levariam pra casa, pronto. Nada mais me interessava no museu, só ir pra casa da minha sogra e lá fomos nós (dessa vez de táxi, ufa)..

Chegamos lá, todos entraram debaixo da ducha. A Emily por sua vez, mostrou que o calor fez mal para ela também e vomitou muito, tomou outro banho, dessa vez com o papai. Tiramos uma soneca, curtimos o restante da tarde com os avós Silvia e Carlinhos.

E acabamos estendendo até o domingo, quando voltamos para casa, descansados...ufa!!!





  • Cuidados com o Calor
Durante o verão é preciso muito cuidado com as crianças. Os pais devem estar atentos para evitar o esgotamento provocado pelo calor.
A transpiração e a irradiação de calor através da pele mantêm o corpo fresco em condições normais. Contudo, quando há excesso de calor e a criança está brincando ou jogando, o sistema de resfriamento do corpo pode começar a falhar. Isto provocará suor que, se excessivo, poderá desidratá-la. Os sintomas disso são tonturas, fraquezas e náuseas. Caso se apresente quaisquer deles, ela precisará de descanso, protegida do sol e da temperatura alta. Mas algumas medidas de precaução devem evitar isso:
1. Vista-a com roupas leves.
2. Não a mantenha dentro de automóveis expostos ao sol.
3. Hidrate-a constantemente com sucos e água, sobretudo se ela estiver brincando ou jogando.
4. Evite as horas mais quentes do dia, retirando-a do sol e trazendo-a para a sombra ou para um ambiente ventilado.
5. Sempre que possível, use mangueira ou chuveiro para refrescá-la.
6. Se ela estiver com náuseas, leve-a a um ambiente fresco e, além dos líquidos, dê-lhe um banho frio ou utilize ventilador e ar-condicionado.
Procure um médico quando...
A criança apresentar qualquer um destes sintomas: dor de cabeça, fraqueza, desorientação, confusão ou agitação, letargia, coma ou convulsões e febre de 38º C ou mais.
Em apenas um sábado, pude ver que meu sonho não se realizou exatamente como eu queria, durmimos pela primeira vez fora de casa após o nascimento da Emily, revivemos a visita ao Museu do Ipiranga, andamos de ônibus, táxi e carro. Pois é, muitas emoções e dá próxima vez nada de cometer esses erros. Prometo!!!
Beijinhos no coração de cada mamãe

**Parte do texto utilizado no blog Encontro entre Comadres

3 comentários:

  1. Oi amiga!!! Passei para retribuir a visita lá no meu canto! Menina, que sábado agitado hein? Mas uma delícia passear...vou ver com o Pedro se esse fds a gente consegue fazer um programa assim, bem família! Tomara que o tempo esteja bom!
    Depois te mando um e-mail pra falar sobre meu cotovelo...távc é fisioterapeuta e pode me ajudar!
    beijos em vcs!!!!

    ResponderExcluir
  2. Todo e qualquer programa com criança tem que ser bem estudado, to vendo isso na pratica, o que antes faziamos na boa, hoje requer planejamento, tudo para não judiar da Julia e deixar ela mal.....

    bjussss

    ResponderExcluir
  3. Taly!!!! Desde que mudei p SP (há quase um ano) venho pedindo para o maridão para irmos lá, acontece que como não somos daqui, a maioria dos finais de semana estamos em Campinas e não conseguimos aproveitar o passeio por aqui! Pois acabei de mostrar suas fotos para o bem e ele logo falou: - Vamos sim!
    EBA!! não vejo a hora! rsrs beijos e boas dicas com o calor, temos que nos cuidar né!

    ResponderExcluir

4 anos de blog? Uau!! Já fui tentante, já estive gravidinha e hoje mamãe da Emily que já está com seus 3 anos. Já fomos Mamãe de Primeira Viagem 2010, já fomos Dona Mocinha. E hoje somos o que VOCÊ preferir.
Seja bem vindo ao nosso mundo de muitos aprendizados e fique a vontade para comentar.
Te aguardamos!!

Os artigos desse blog são de direito reservado.
Sua reprodução, parcial ou total, mesmo citando nossos links, é proibida sem a autorização do autor.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal. – Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais.